21/01: Religiões no combate à intolerância religiosa – Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa: SP

(Frente Inter-Religiosa Dom Paulo Evaristo Arns por Justiça e Paz)

2 MIN LEITURA

Celebrar é Lutar, Venha !

São Paulo – Sérgio Storch


 

Ato Inter-religioso: 21/1 é o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, que foi celebrado em atos promovidos pela Frente Inter-Religiosa Dom Paulo Evaristo Arns por Justiça e Paz, CONIC – Conselho Nacional das Igrejas Cristãs, FEED – Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito, KOINONIA – Presença e Serviço Ecumênico, Rede FALE e EIS – Evangélicas pela Igualdade de Gênero, em 14 cidades, de Porto Alegre até Rio Branco (RR).

Em São Paulo o evento ocorreu no dia 21 de janeiro, às 20 hrs na Igreja Betesda São Paulo – Av. Eng. Alberto de Zagottis, 1000 – Jardim Marajoara.

HISTÓRICO

Boas vindas e Leitura Bíblica Comunitária:
Pastor Anfitrião. Pr. Eliel Batista e Pr. Ricardo Gondim

Palavra de abertura do Bispo Paulo Ayres, presidente da Koinonia.
“Por que dia 21 de janeiro?

Apresentações musicais:

  • Amor de Índio – Beto Guedes/Ronaldo Bastos
  • A glória de Deus é compartilhar – Gerson Borges

Palavra de convidados pela Instituição Organizadora

  • Padre Enes: Representante da Igreja Católica Romana, coordenador da Pastoral Negra da Igreja Católica
  • Haji Mangolin: Comitê Islâmico de Solidariedade do ABC
  • Pastora Eliad: pastora metodista, representando as igrejas evangélicas
  • Mãe de Santo Adriana de Nanã: Representante dos Culto Afro
    • Música – Paz e Comunhão – Gladir Cabral
    • Leitura: Manifesto Evangélico contra a Intolerância Religiosa
    Dra. Valeria Vilhena: Coordenadora do grupo “Evangélicas pela Igualdade de Gênero”.
    Reconhecimento da presença dos líderes religiosos:
    Pastor Ariovaldo Ramos, coordenador da “Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito”.
    Oração comunitária
    • Refrão da música “Amor pra recomeçar”: Frejat

.

.

As várias religiões, cristãs e não-cristãs. se somaram ao “Manifesto Evangélico contra a Intolerância” de lideranças evangélicas que combatem o ódio gerado por falsas concepções religiosas, as quais ignoram a mensagem essencial dos Evangelhos, “Amai ao próximo como a ti mesmo”.

Essa manifestação é clara e firme: repudiamos qualquer tipo de violação de espaços sagrados ou de manifestações religiosas.

Some sua presença e sua voz a esses atos, para que a intolerância religiosa deixe de encontrar espaço nos corações e mentes de brasileiras e brasileiros de todas as correntes de fé e espiritualidade.

Acompanhe este post, que editaremos colocando os links para todos os endereços e detalhes para os eventos de cada cidade

Esse ato tem o apoio do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil, da Frente de Evangélicos pelo Estado de Direito, da Koinomia Presença Ecumênica e Serviço e Mulheres EIG.

 

Fotos: Wikipedia (Domínio Público)

 

  • [1] Leia mais: Frente Inter-Religiosa Dom Paulo Evaristo Arns por Justiça e Paz

Frente Dom Paulo

Redação Frente Dom Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.